5 sintomas que indicam que você precisa ir ao neurologista



O corpo humano está sempre nos dando sinais sobre seu estado. E é por isso que se faz importante estarmos atentos a ele, pois alguns destes sintomas indicam que é preciso ir em busca de auxílio médico.


É o caso da ida a um neurologista. Dores de cabeça, tonturas, problemas para dormir e dores com algumas características especiais são indicativos de que sua saúde neurológica precisa de cuidados. Por isso, ao sinal de qualquer suspeita de problemas, busque um consultório. 


E para te ajudar, listamos neste artigo os principais sintomas que indicam que você precisa ir a um neurologista.


1. Dores de cabeça


Provavelmente você já deve ter sofrido com algum episódio de dor de cabeça. Um dos principais motivos de queixas, a dor de cabeça pode ser um sinal de problema neurológico. Por isso, se perceber que a dor é diferente de outras dores de cabeça sentidas no passado, se é contínua e principalmente se vier acompanhada de vômitos, ou se piora com esforço físico ou afeta a sua visão, a recomendação é ir ao neurologista.

Com uma consulta e exames simples, ele poderá identificar se essa dor é um sintoma de algo mais grave, ou se é uma condição não grave. Poderá também indicar o tratamento mais preciso. 


2. Dormência ou formigamento


Outro caso frequente. Esses sintomas podem indicar uma série de problemas e precisa de uma investigação para o tratamento adequado. Se você tem dormência ou formigamento, acompanhado de sintomas como confusão mental, vertigem ou perda de visão – vá a um neurologista imediatamente.


Isso porque esses sintomas podem ser um caso de Acidente Vascular Cerebral, que quando tratado imediatamente tem menos chances de deixar sequelas ou ser fatal para o paciente.


Outras causas comuns de dormências são os problemas que afetam os nervos periféricos. Diabetes, hipertensão, consumo de álcool ou medicações são as causas mais frequentes para este problema. No entanto, devem ser investigadas outras possíveis causas. O neurologista é a pessoa mais capacitada para conduzir estas investigações e propor um tratamento.


3. Perda de memória ou confusão mental


Quem tem um dia a dia mais agitado provavelmente já se deparou com episódios em que a memória falha. Realmente, o acúmulo de stress faz com que tenhamos alguns momentos como esse, mas se isso ocorre com frequência é importante fazer uma investigação.

Isso porque este é um sintoma do Mal de Alzheimer, que embora seja mais comum entre pessoas acima de 60 anos, também pode aparecer em indivíduos mais jovens. Essa é uma doença que não tem cura, mas os tratamentos atuais melhoram a qualidade de vida do paciente.


Felizmente, em muitos casos, é possível identificar outras causas que podem ser tratadas. Por isso é muito importante uma investigação minuciosa de cada caso.


4. Distúrbios do sono


Outro problema comum, a dificuldade para dormir ou sonolência diurna em excesso é motivo para uma visita a um neurologista. Existem estudos que indicam que cerca de dois terços das pessoas que alegam dificuldades no sono vão desenvolver algum tipo de distúrbio.


5. Fraqueza muscular


Quando uma pessoa tem problemas de fraqueza muscular sem um motivo aparente, isso é um sinal de que algo não está certo com sua saúde. Quando a fraqueza aparece de forma repentina e afeta principalmente um dos lados do corpo, é urgente levar a pessoa para um hospital que conte com suporte de neurologista.


Este sintoma pode ser um AVC. Nos casos em que a fraqueza se instala de forma progressiva, também é importante a avaliação do neurologista, principalmente se essa fraqueza vem acompanhada por dificuldade para respirar, falar, mastigar ou engolir. Uma consulta ao neurologista vai ajudar na identificação da causa para um tratamento correto. 

Além de ter sintomas preocupantes, vale sempre se consultar com um médico neurologista sempre que houver alguma suspeita de doenças neurológicas. Assim, você pode receber diagnósticos mais precoces e precisos para manter a uma boa condição de saúde.


Fonte - Brasília Neuroclínica

APAN | Associação Paulista de Neurologia

Assessoria de imprensa 

ACONTECE COMUNICAÇÃO INTEGRADA