• apansp

Cefaleia na Unidade de Pronto Atendimento

A Associação Paulista de Neurologia (APAN) e a Associação Paulista de Medicina (APM) promovem, em 11 de fevereiro, das 19h30 às 20h30, o encontro Cefaleia na Unidade de Pronto Atendimento. A conferencista será Yára Dadalti Fragoso, médica neurologista e membro da Sociedade Brasileira de Cefaleia.



A inciativa ocorrerá na sede da APM Santos (Avenida Ana Costa 388), tendo como público-alvo neurologistas, residentes e médicos de outras áreas de atuação. O evento, baseado em estudo de casos, busca discutir de forma prática e científica o que se pode fazer para melhorar o atendimento dos pacientes com cefaleia nas unidades de pronto atendimento, em especial agora com a explosão do número de casos acometidos pela variante Ômicron.


Faz já dois anos os sistemas de saúde de alguns países, inclusive os do Brasil, beiram o colapso, com esgotamento de recursos, e lotação de pronto-atendimentos. Com a tensão e apreensão entre os cidadãos, há um consequente crescimento da insegurança e da sensação de desamparo.


“O momento demanda serenidade para enfrentar e vencer a crise e as dificuldades impostas. Um passo importante é buscar informação confiável, e evitar disseminação de notícias falsas que confundem e geram pânico. Também temos a obrigação de compartilhar conhecimentos com os colegas médicos e profissionais de saúde; daí a importância de nosso evento”, pondera Yára Dadalti Fragoso.


Com o apoio incondicional do laboratório Libbs e com o auxílio da APM e da APAN, a MS & Headache Research tem como fazer esta reunião dia 11 de fevereiro virar realidade. Participe! Mais informações no whatsapp 13-981173400. A entrada é franca.


Ao término do evento, haverá happy hour com rock dos velhos. Imperdível.